A Allplants é uma startup de delivery de comida vegana com sede na Inglaterra. Recentemente, a marca levantou 38 milhões de libras (US$ 52 milhões) em uma rodada da Série B, liderada pela Draper Esprit.

Outros participantes desse investimento foram as empresas de venture capital The Craftory, Felix Capital, Octopus Ventures, TriplePoint Capital, além de Cassandra Stavrou MBE (fundadora da empresa de lanches Proper Snacks) e os jogadores de futebol britânicos Chris Smalling e Kieran Gibbs.

Essa rodada foi considerada como a maior Série B para uma empresa de alimentos plant-based localizada na Europa.

Nessa empresa de delivery vegano, o consumidor consegue escolher um pacote personalizado em um sistema de assinatura, decidindo o que deseja receber.

O novo investimento irá para expandir a cozinha em Walthamstow, localizada no norte de Londres, aumentando a instalação em 6 vezes seu tamanho atual, assim, será possível atender a demanda doméstica que está crescendo.

Para se ter uma ideia, na atualidade a empresa tem 140 chefs para fazer sua cozinha funcionar 24 horas por dia e, dessa forma, entregar as refeições congeladas da Allplants para seus consumidores.

Outros planos para o investimento são: escalar sua capacidade de distribuição rápida para outros canais — no longo prazo, desejam distribuir os produtos por multicanais — adicionar mais pessoas a sua equipe, e expandir seu portfólio de refeições e categorias de produtos.

Por enquanto, a marca só entrega suas comidas em algumas partes da Grã-Bretanha, porém, afirmou em sua página que seu objetivo é se tornar uma empresa global.

A Allplants e o flexitarianismo

“Estamos apoiando o flexitarianismo, fornecendo suporte (e comida!) Para aqueles que estão comprometidos em simplesmente experimentá-lo”, diz seu site.

Portanto, pode se perceber que a empresa foca bastante no público flexitariano — aquele que segue uma dieta vegetariana na maior parte do tempo, mas ocasionalmente come carne — ela até mesmo tem uma página chamada “tentando ser vegano”, onde as pessoas compartilham as escapadas da dieta.

Mesmo assim, vale dizer que os fundadores são veganos.

Comida vegana da startup de delivery

Imagem: Divulgação Allplants 

História da startup de delivery de comida vegana

A Allplants foi fundada em 2016 por Jonathan Petrides e seu irmão Alex. Eles criaram a empresa por acreditarem que uma alimentação à base de plantas deveria ser prática e saborosa.

Jonathan Petrides falou em uma comunicação: “As escolhas alimentares são profundamente pessoais, por isso a qualidade e o sabor estarão sempre em primeiro lugar para nós — são o motor de tudo o que fazemos e o que torna tão fácil para os nossos clientes incluírem mais plantas nas suas dietas sem compromisso”.

Ele também relatou a respeito do novo investimento:  “Agora podemos imaginar, criar e servir muito mais receitas e produtos deliciosos para, em última análise, acelerar o impacto transformador que a vida à base de plantas terá no futuro de nosso planeta”.

Delivery vegano no Brasil

A Allplants ainda não está no Brasil, mas nós já falamos de deliveries que estão atuando no nosso país.

Temos o Veggi, que reúne diversos restaurantes veganos em um aplicativo de delivery, que recebeu esse ano um aporte da WOW Aceleradora no valor de R$ 1 milhão.

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também:

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

O que é Venture Capital? Como funciona e como conseguir?

Foodtech de leite de aveia Nude prepara rodada de captação

Geração Z é mais consciente: o que isso tem a ver com ESG?

*Imagem de capa: Divulgação Allplants / via Green Queen

Por Amanda Stucchi em 21 de outubro