A ISH Foods, empresa de alimentos à base de plantas, lançou camarão, lagosta e outros frutos do mar plant-based!

À luz de documentários contundentes como A Plastic Ocean e Seaspiracy, consumidores estão mais do que nunca, buscando alternativas ambientalmente conscientes para peixes e frutos do mar convencionais.

Enquanto o mercado de frutos do mar plant-based continua a crescer, a ISH Foods promete ousadamente revolucionar a categoria com uma linha inovadora de camarão, salmão, bacalhau, lagosta, assim como outros produtos.

Inspirado no oceano

Fundada por Bernard David, a ISH Foods possui credenciais impressionantes. David é ex-assessor da Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA) e é membro do Conselho de Diretores da Scripps Institution of Oceanography.

David mudou seu estilo de vida para um mais saudável, após um ataque cardíaco que mudou sua vida. Logo, ele criou a ISH (I nnovative, S ustainable and H ealthy) para fornecer produtos de frutos do mar sustentáveis sem comprometer o sabor.

Camarão plant-based

O principal produto da empresa é o Shrimpish, uma alternativa premium de camarão. De acordo com a marca, o produto é uma “façanha culinária” que é similar e tem gosto do de origem animal. Feito principalmente de coco verde, proteína de soja e konjac, a ISH diz que o camarão plant-based fornece todo o sabor e textura, porém sem aditivos ou aglutinantes artificiais.

Além disso, a marca diz que comprar 200 libras de camarão, equivale a tirar um carro da estrada por um ano inteiro, reduzindo a pegada de carbono em quase 9.000 libras de CO₂. Atualmente, o camarão está disponível para operadores de serviços de alimentação e pode ser encontrado em alguns restaurantes, faculdades e universidades nos EUA.

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também:

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

Como a Tensei está democratizando a alimentação orgânica no Brasil

HappyCow revela as 10 cidades mais veganas do mundo

Heinz lança hambúrgueres e carne moída plant-based

Imagem ilustrativa de capa: Divulgação ISH Foods

Por Ana Cristina Gomes em 10 de novembro