A Fábrica Meatz é uma foodtech brasileira, uma novidade da empresa é o lançamento da carne louca vegetal. 

É afirmado que esse é o primeiro produto do gênero no mundo e também o primeiro a ser lançado no Brasil. 

Como sabemos, a carne louca é uma típica receita das festas juninas e também pode ser consumida em outras épocas do ano, como complemento ao pão, massas, tapiocas, tortas, entre outros. Portanto, é ótimo que essa novidade chegou em um formato 100% vegano

Composição da carne louca vegetal

O produto é composto pela jaca, azeite de oliva, chá-preto e beterraba. É afirmado que a base da carne louca vegetal é feita somente com a fibra dessa fruta. 

A informação nutricional está descrita na página do produto, onde é mostrado com transparência a quantidade de carboidratos, proteínas, gorduras totais, gorduras saturadas, fibra alimentar, sódio, vitamina D2, vitamina B12 e o ferro. 

A empresa relatou em uma comunicação: “Transformar uma fruta não valorizada do Brasil em um produto tecnológico para o mundo: é a nossa missão de aplicar tecnologia em tudo o que a gente faz”. 

Para desenvolver o produto, a marca criou a tecnologia 3D True Texture Meatz que afirmam deixar a carne de fruta igualzinha a dos animais. 

Alguns dos nutrientes do produto são os seguintes: ferro, vitamina D2 e a vitamina B12. 

Carne louca vegetal da Fábrica Meatz

Imagem: Reprodução Fábrica Meatz /  via Facebook @fabricameatz

A empresa incentiva a reciclagem e tem o selo eureciclo (logística reversa), além de apoiar o produtor local com o programa Origens. 

Na rede social da marca, falaram um pouco mais sobre o assunto: “Com esse programa, além de sermos transparentes quanto à origem dos nossos alimentos, oferecemos aos nossos produtores melhores condições para se desenvolverem, fortalecendo a agricultura familiar, indígena e orgânica no Vale do Ribeira. Nosso compromisso com a sociedade e com o mundo vai além de fazer produtos saudáveis e sustentáveis, a gente também trabalha para gerar impacto positivo na vida de quem está fazendo a diferença no campo”. 

Conforme o Super Varejo, para criar e lançar esse produto — o primeiro da marca — foi feito um investimento de R$ 2 milhões por parte da empresa. Pedro Ian, um dos fundadores da Fábrica Meatz, explicou ao veículo: “Metade desse valor foi utilizado em pesquisa e desenvolvimento”. 

Vale dizer que a Fábrica Meatz é uma fusão entre a Behind (uma das primeiras a desenvolver carnes à base de plantas) e a Meatz (de produtos à base de jaca). Após esse lançamento, a marca também pretende estrear dois novos produtos no mercado no primeiro trimestre de 2022, sendo a carne de frango à base de plantas e um hambúrguer vegetal. 

Por enquanto é possível encontrar a carne louca vegetal nos varejistas Casa Bueno, Naturalis, Empório La Granola e locais do estado de São Paulo (tanto na capital quanto no interior). 

Sobre a Fábrica Meatz

Quer saber mais sobre essa foodtech brasileira? 

A missão da empresa é a seguinte: “Tornar o sistema alimentar global verdadeiramente sustentável, eliminando a necessidade de alimentos de origem animal”. 

A ideia é que ao modificar a dieta das pessoas para a carne vegetal (em vez da animal) seja possível abranger quatro questões globais crescentes, sendo a saúde humana, mudança climática, restrições aos recursos naturais e também o bem-estar dos animais. 

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também: 

Seara lança linha de carnes 100% à base de plantas 

The New apresenta o Newggets: frango empanado plant-based 

Fazenda Futuro lança primeiro atum à base de plantas do Brasil

*Imagem de capa: Reprodução Fábrica Meatz / via Facebook @fabricameatz



por Amanda Stucchi em 16 de novembro