Às vésperas de completar um ano da sua fundação, o Laguna SAF, o 1º clube de futebol Vegano do Brasil e da América do Sul, acaba de aderir ao Pacto Global da ONU (Organização das Nações Unidas).

O Pacto Global da ONU no Brasil foi criado em 2003 e hoje é a terceira maior rede local do mundo, com mais de 1,5 mil membros.

De acordo com o dirigente do Laguna SAF, o ex-atleta Gustavo Nabinger, a iniciativa confirma o compromisso do clube em colaborar com entidades e diretrizes focadas no desenvolvimento sustentável.

Clube vegano membro do Pacto Global

“Ser membro do Pacto Global diz mais respeito ao que o Laguna pode ajudar a melhorar no planeta e na sociedade, do que o contrário. Reforçar essas diretrizes é uma forma de garantir que o clube siga evoluindo nos compromissos de sustentabilidade, governança e comunidade”, destaca o dirigente e treinador.

Mesmo ainda muito jovem no cenário esportivo brasileiro, o Laguna tem tomado decisões importantes, reforçando seu papel e propósito como empresa de impacto socioambiental. O Laguna é a terceira equipe do futebol nacional a aderir ao Pacto Global. Recentemente, Coritiba e São Paulo também assinaram com a ONU.

“Estamos caminhando e buscando cumprir a nossa vocação, de forma a fazer parte de uma rede de empresas que podem trocar experiências e know-how quanto às questões socioambientais do planeta”, explica o presidente do clube, Rafael Eschiavi.

Além da ONU, o Laguna é membro da Civi-co, um hub de negócios de impacto socioambiental, parceiro da Sociedade Vegetariana Brasileira, assim como da ONG Pipa Limpa, no Rio Grande do Norte.

De acordo com Rafael Eschiavi: “Essas colaborações contribuem para a conscientização dos atletas e funcionários, com palestras, informações e ações culturais, bem como ações implementadas”.

Laguna em sintonia com o Pacto da ONU

No plano criado pela ONU, o Laguna já possui no próprio estatuto pelo menos cinco dos compromissos com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) pré-estabelecidos. São eles: saúde e bem-estar, trabalho decente e desenvolvimento econômico, redução das desigualdades, cidades e comunidades sustentáveis, parcerias, assim como implementação.

Além disso, o clube planeja anunciar em breve uma nova parceria com uma ONG internacional.

Imagem: Laguna / Divulgação

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também:

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

21 marcas de maquiagem vegana fáceis de encontrar em 2022

Next Meats e Dr. Foods lançarão foie gras e caviar plant-based

Qual o impacto do veganismo na preservação do meio ambiente?

Imagem ilustrativa de capa: Divulgaçao Laguna

Por Ana Cristina Gomes em 12 de janeiro