A produtora sul-coreana de alimentos plant-based, Pulmuone, firmou um acordo com a ABB Korea Robotics, filial local da empresa suíça ABB, para desenvolver frutos do mar cultivados.

Essa colaboração visa automatizar o processo de cultivo de frutos do mar utilizando a tecnologia de robótica da ABB, com o objetivo de produzir esses alimentos em larga escala até 2026.

Segundo o anúncio, as empresas esperam liderar a pesquisa e o desenvolvimento em robótica com IA para a agricultura celular. Além disso, a Pulmuone acredita que essa parceria será a primeira no mundo a aplicar automação robótica com IA na produção de carne cultivada.

Ambas as empresas irão focar em várias áreas, incluindo a automação robótica do processo de cultivo celular de frutos do mar, aumento da eficiência produtiva, proteção da propriedade intelectual, compartilhamento de instalações e equipamentos de pesquisa e intercâmbio de pessoal especializado.

Representantes importantes de ambas as empresas estiveram presentes na cerimônia de assinatura, incluindo Kim Sang-gu, diretor do Laboratório de Segurança Alimentar da Pulmuone, Song Tae-jun, Vice-Presidente da ABB Korea Robotics, e Craig McDonnell, chefe da divisão de robótica da ABB.

Expansão em proteínas alternativas

A Pulmuone é uma renomada fabricante global de tofu e a empresa-mãe das marcas americanas de alimentos plant-based Nasoya e Wildwood. Nos últimos anos, a empresa expandiu sua atuação na indústria de proteínas alternativas por meio de investimentos e parcerias com empresas de carne cultivada e micoproteína.

A empresa sul-coreana, que é investidora da BlueNalu, empresa americana de frutos do mar cultivados, também assinou um acordo para comercializar seu atum cultivado na Coreia do Sul.

A Pulmuone também está trabalhando com a startup sul-coreana Simple Planet para co-desenvolver e comercializar produtos de carne cultivada híbrida. Mais recentemente, fez parceria com a empresa de tecnologia de micélio Infinite Roots (anteriormente Mushlabs) para desenvolver produtos inovadores de proteína de fungos adaptados às necessidades e preferências de sabor do mercado sul-coreano.

Kim Sang-gu, chefe do Escritório de Segurança Alimentar do Instituto de Tecnologia Pulmuone, comentou sobre o acordo de frutos do mar cultivados: “Ao combinar a tecnologia de robótica com IA da ABB, uma empresa líder mundial em automação e robótica, com a tecnologia especializada de cultura celular de peixes da Pulmuone, esperamos fortalecer a competitividade tecnológica e criar mais sinergia na pesquisa e desenvolvimento de tecnologia avançada de alimentos pesqueiros.

“No futuro próximo, lideraremos uma inovação tecnológica revolucionária ao acelerar o estabelecimento de um sistema de produção em massa inovador para alimentos pesqueiros cultivados de forma sustentável.”

Leia também:

Hellmann’s renova maionese vegana para atrair um público mais amplo

UEFA Champions League implementará rotulagem de carbono em Wembley e outros locais na final de 2024

Heura traz menu plant-based para “Eras Tour” de Taylor Swift em Madri

Por Vitor Di Renzo em 1 de junho
Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores