A Superbom lançou um kibe vegano! A empresa produz alimentos para quem segue uma dieta vegana e para os vegetarianos. O novo produto também busca atingir os flexitarianos, pessoas que seguem predominantemente uma alimentação sem carne de origem animal. 

O kibe vegano é composto com uma proteína 100% plant-based e possui ferro, vitamina B12, zinco, vitamina A e B9. 

Os ingredientes utilizados são os seguintes: 

  • Água
  • Triguilho
  • Proteína de soja texturizada
  • Óleo de soja
  • Proteína de soja isolada
  • Glúten de trigo
  • Fibra de trigo
  • Sal Refinado
  • Especiarias (como alho, cebola, pimenta e hortelã)
  • Extrato de levedura
  • Mix de amido de milho e hidrocolóides
  • Corante Caramelo (INS 150d)
  • Espessante Metilcelulose 

É necessário ressaltar que o kibe tem glúten, trigo e derivados de soja, podendo ter cevada, centeio e aveia. Ou seja, se você é alérgico a alguns desses ingredientes, fique atento. 

O Diretor Comercial e de Marketing da Superbom, David Oliveira, disse ao Geek Publicitário: “Este já é o nosso terceiro lançamento de carnes plant-based no ano, e preparamos ainda mais novidades para o segundo semestre”. 

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

Ele também acrescentou: “[…] Esperamos que o público aceite bem, reforçando a posição de pioneirismo da Superbom no segmento e reforçando nossos pilares de saúde e bem-estar”. 

Esse produto tem um preço sugerido de R$ 19,86, e chega nesse mês nos marketplaces Magalu, Mercado Livre e em mais de 25 mil pontos de vendas no território brasileiro. 

Algumas das carnes vegetais da empresa são: carne moída, burger gourmet, frango, steak, coxinhas, mini empanados de legumes, almôndegas, salsichas, linguiça defumada, linguiça tradicional, bife, medalhão ao molho, cubinhos ao molho, escalope ao molho, entre outros. 

Além do kibe vegano: sobre a Superbom

A Superbom é uma empresa que nasceu em 1925, e tem em seu portfólio sucos, geleias, proteínas, salsichas, pratos prontos, entre outros. 

A empresa começou com a produção de suco de uva, no interior de uma casa que pertencia ao Colégio Adventista Brasileiro (CAB), que atualmente é o Centro Universitário Adventista de São Paulo (Unesp-SP). 

É dito em sua página que, durante toda sua trajetória, a marca atuou diretamente ligada à Igreja Adventista do Sétimo Dia. Essa instituição religiosa recomenda a dieta vegetariana para seus fiéis. 

No ano de 2013, a empresa recebeu a certificação vegana da Sociedade Vegetariana Brasileira. Já, em 2018, lançou o primeiro frango vegano do Brasil. 

Também recebeu Prêmios, o mais recente é o Innovation Awards 2019, onde o Burger Gourmet Superbom recebeu o reconhecimento de Produto Mais Inovador do mercado vegano. 

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também: 

24 alimentos veganos: nutritivos, saborosos e econômicos

5 marcas brasileiras de hambúrgueres à base de plantas

Venda de alimentos plant-based: valor atingirá US$ 162 bilhões

*Imagem: Divulgação Superbom (via Geek Publicitário)

Por Amanda Stucchi em 23 de agosto