A marca britânica de lanches saudáveis Kallø lançou sua primeira linha de pastas à base de vegetais, ampliando sua atuação no mercado.

Essas pastas de rótulo limpo são feitas com uma base de tomate combinada com vegetais e leguminosas orgânicas. A linha conta com três variedades: Chutney de Tomate e Lentilha, Tomate e Azeitonas, e Tomate Picante. Diferente de muitos produtos similares, as pastas são vendidas em formato ambiente e embaladas em potes de vidro totalmente recicláveis com tampa de alumínio. O formato resselável facilita o transporte e ajuda a reduzir o desperdício de alimentos.

Essas pastas são perfeitas para serem combinadas com os lanches da Kallø, como os Veggie Thins, uma linha de flatbreads feitos de grão-de-bico lançada em novembro passado. Além disso, podem ser usadas como ingredientes culinários.

“Plantas podem ser o destaque do prato”

A Kallø, que pertence à Ecotone UK e é certificada como B Corp, produz uma ampla gama de lanches saudáveis, incluindo bolos de arroz e milho em diversos sabores doces e salgados. Em 2022, a marca lançou os Veggie Cakes, uma alternativa ainda mais saudável aos bolos de arroz, feitos de lentilhas e ervilhas. A Kallø também oferece uma linha de caldos de legumes e cereais de arroz integral puff.

“O que começou como uma ideia de combinação perfeita com nossos Kallø Veggie Thins evoluiu para um produto versátil que funciona tanto como ingrediente culinário quanto em tábuas de frios,” disse Adele Ward, Diretora de Marketing da Kallø na Ecotone UK. “Estamos incentivando os consumidores a experimentarem com suas pastas e a apreciarem o processo de preparação. Enquanto antes os lanches salgados envolviam muitos frios, hoje em dia as plantas podem ser o destaque do prato. Para a Kallø, nosso foco é inovar com ingredientes vegetais diversos que despertem curiosidade e entusiasmo.”

Confira a matéria publicada na vegconomist.

Leia também:

Dez startups que transformam plantas comuns em potências proteicas

CULT Food Science se opõe à proibição de carne cultivada na Flórida

Kokomodo desenvolve cacau cultivado

Por Vitor Di Renzo em 6 de julho
Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores