A Matrix FT, com sede em Ohio, desenvolvedora líder de andaimes e microtransportadores plant-based, diz que desenvolveu o primeiro frango cultivado feito em Ohio.

De acordo com a Matrix FT, eles criaram uma prova de conceito de nugget de frango cultivado para mostrar sua tecnologia – microtransportadores comestíveis e andaimes que funcionam como ingredientes-chave em produtos de carne cultivada.

Atualmente, os tipos mais comuns de microtransportadores usados para fornecer um andaime para as células não podem ser consumidos e é necessário remove-los da carne cultivada antes do consumo. Várias empresas estão trabalhando para desenvolver microtransportadores comestíveis. No verão passado, pesquisadores da UCLA anunciaram que haviam criado uma partícula comestível que produz uma textura mais natural semelhante a um músculo para carne cultivada.

Primeiro frango cultivado de Ohio

A sede da Matrix FT inclui laboratórios de engenharia e instalações de testes biológicos onde experimentos acontecem para testar o desempenho, segurança alimentar e esterilidade em seus andaimes e microtransportadores. Além disso, a empresa realiza pesquisas contratadas em seu laboratório úmido para empresas de carne cultivada.

Os microtransportadores funcionam crescendo e proliferando células em biorreatores. O andaime ajuda a amadurecer e diferenciar as particulas, sinalizar expressões de genes e proteínas e transformar células em estruturas complexas de tecidos, que se tornam carne cultivada. Ou seja, a empresa trabalha com matrizes extracelulares 3D para crescimento e proliferação celular.

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

De acordo com a empresa, seus primeiros mioblastos de frango – células musculares – vieram de uma universidade parceira. As células foram cultivadas por Heidi Coia, PhD., Diretora de Desenvolvimento de Produto e Inovação da Matrix FT. As células colhidas foram combinadas com uma mistura patenteada de proteínas plant-based para criar o nugget de frango híbrido.

“Tinha um ótimo sabor, textura e ficamos muito satisfeitos em dar um pequeno exemplo de como nossos produtos personalizáveis podem contribuir para cada um dos alimentos à base de células exclusivos de nossos clientes que eles levarão ao mercado”, disse Coia.

A Matrix FT abriu seu novo laboratório úmido em abril do ano passado. O principal objetivo é a expansão do trabalho com proteínas cultivadas feitas com estruturas e microtransportadores de nanofibras comestíveis plant-based.

Nova instalação

A nova instalação é fundamental para encurtar a lacuna entre a engenharia de andaimes de nanofibras personalizados plant-based e a entrega rápida do produto final.

De acordo com Teryn Wolfe, vice-presidente de desenvolvimento corporativo da Matrix FT: “Antes de abrir o laboratório úmido, a Matrix FT confiava muito no feedback dos clientes para saber se os andaimes estavam funcionando. Agora que podemos fornecer aos parceiros um conjunto mais robusto de ofertas de P&D, podemos ter maior controle e entregar resultados na velocidade necessária. Este é outro passo importante em nossa capacidade de alimentar a inovação em todos os setores e estamos orgulhosos de continuar liderando no setor de proteínas cultivadas em Ohio.”

Novo lançamento

O novo lançamento de nugget é o mais recente na categoria de frango cultivado que está crescendo rapidamente. Anteriormente, a Upside Foods, sediada na Califórnia, foi a primeira empresa dos EUA a receber o status GRAS da FDA para seu frango cultivado. Além disso, a empresa diz que pode produzir 400.000 libras de carne cultivada por ano em sua fábrica.

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também:

6 receitas veganas para você preparar nesse Natal

Mercado de carne plant-based atingirá US$ 15,7 bilhões até 2027

Loving Earth levanta US$ 485 mil para chocolates plant-based

Imagem ilustrativa de capa: Matrix FT

Por Ana Cristina Gomes em 5 de janeiro