O Dia da Amazônia é em 5 de setembro e pensando nisso trouxemos para vocês três empresas que utilizam seus recursos de maneira consciente e sustentável. 

Segundo a organização científica Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM) esse bioma possui mais da metade da biodiversidade do mundo e a região também tem 20% da água doce do planeta. 

Portanto, que tal conhecer empresas conscientes no uso de seus recursos?  Afinal, é necessário cada um fazer a sua parte para preservar a natureza. 

A Corporate Knights, que trabalha com mídias e pesquisas no Canadá, elencou as 100 empresas mais sustentáveis do mundo. Duas delas são brasileiras. 

1# Natura 

A empresa de cosméticos nasceu em 1969 e está na posição 42 do ranking da Corporate Knights. 

É certificada como Empresa B, um movimento que une o lucro com os benefícios socioambientais, sendo que 90% de suas fórmulas são produzidas com ingredientes naturais e renováveis. Também tem o selo Cruelty Free International e possui linhas veganas

Além disso, utiliza embalagens ecológicas e é 100% carbono neutro desde o ano de 2007. 

Em uma campanha publicitária, a marca respondeu O que uma marca de beleza pode fazer pela Amazônia?, dizendo: “Pode fazer uma floresta ficar maior, em vez de menor, tem que extrair ativos de forma sustentável cuidando da floresta e de quem vive nela”, mostrando o Natura Ekos (produto vegano da marca). 

2# Banco do Brasil 

O Banco do Brasil está na posição 3 do Corporate Knights. 

A empresa possui 3 eixos de compromissos para um mundo mais sustentável, que abrangem: 

  • Negócios sustentáveis — auxilia os clientes a terem um portfólio mais sustentável
  • Investimento responsável — ajudam o investidor a investir em empresas que geram efeitos socioambientais positivos
  • Gestão ASG — com metas de aumentar a matriz energética limpa, promover a diversidade, reduzir as emissões de carbono e promover boas práticas de governança. 

Eles também apresentam um estudo em sua agenda 30 BB, realizado pela PWC em 2022), que revela que 77% dos investidores institucionais planejam parar de comprar produtos que não incorporam aspectos ASG, com práticas ambientais, sociais e de governança corporativa. 

3# Bônus: Boticário 

O Boticário não apareceu na lista da Corporate Knights, mesmo assim já falamos dessa marca de beleza. 

A empresa não realiza testes em animais e tem os selos da Leaping Bunny, Cruelty Free International, e Beauty Without Bunnies. Também possui mais de 500 produtos veganos. 

Em 2020, elaborou uma loja sustentável temporária no Parque Ibirapuera com 3 toneladas de lixo reciclável. Além de ter atingido 100% de energia renovável em suas fábricas, como a solar, eólica, biomassa e as pequenas centrais hidrelétricas. 

Aproveite e leia também: 

9 razões para usar cosméticos veganos e naturais

Qual o país mais vegano do mundo

Aplicativos veganos: 8 para salvar a sua vida

*Imagem de capa: Pexels

Por Amanda Stucchi em 3 de setembro