A foodtech Climax Foods fechou recentemente uma rodada de investimento de US$ 7,5 milhões para financiar sua missão de criar alimentos à base de plantas “de outro nível” e remover animais do sistema alimentar para prevenir futuras pandemias causadas pela disseminação de doenças zoonóticas. A Climax Foods foi fundada por Oliver Zahn PhD, que estudou astrofísica em Harvard e, mais recentemente, trabalhou como cientista de dados no Google e na Impossible Foods

Usando estruturas proprietárias de machine learning, a empresa examinará o que torna os produtos animais deliciosos em nível molecular e replicará essas qualidades usando plantas, começando com alternativas veganas ao queijo lácteo. “Queijo envelhecido tem sido uma categoria desafiadora, mas a abordagem baseada em dados da Climax Foods criou protótipos como nada que eu já provei dentro ou fora do mercado”, disse Leah Volger da Manta Ray Ventures – uma empresa de investimento que participou da rodada.

O time atual da Climax Foods também inclue a Caroline Love (ex-diretora comercial da empresa de ovos à base de plantas Eat Just e também produtora associada de The Game Changers) e o bioquímico Pavel Aronov (que já trabalhou na Impossible Foods). Quanto aos investidores, a Climax Foods conta com o Tom Chi, cofundador do GoogleX e founding partner da One Ventures. 

“A Climax Foods está abrindo uma fronteira de como podemos ser expressivos com alimentos à base de plantas. Eles estão lançando as bases para um futuro em que alimentos saudáveis ​​e baratos à base de plantas rivalizam ou até superam o sabor dos alimentos de origem animal que estão substituindo ”, disse Chi. “Além de ser delicioso, o trabalho é crucial para a transição da pecuária insustentável, que leva à destruição maciça do habitat e gera mais de 25% das emissões totais de gases de efeito estufa.”

Zahn explica que 90% de todos os mamíferos e 70% de todos os pássaros na terra existem com o propósito de transformar plantas em alimento para humanos (ou seja, carne, laticínios e ovos), uma abordagem que é extremamente ineficiente. “Estamos em um momento crucial em que a industrialização permitiu um crescimento populacional explosivo e o consumo de produtos de origem animal”, disse Zahn. “A indústria [da pecuária] é complexa e esbanjadora, criando tantas mudanças climáticas quanto todos os meios de transporte combinados e usando mais de um terço da água e da terra utilizável da terra. Ao acelerar a inovação da ciência alimentar, a Climax Foods é capaz de converter plantas em alimentos igualmente desejáveis ​​sem o impacto ambiental.”



por Redação Vegan Business em 8 de setembro