A marca Wamame Foods, localizada no Canadá, é conhecida por criar a primeira carne wagyu plant-based. A empresa é uma subsidiária da Top Tier Foods Inc, que reúne a qualidade japonesa e a inovação canadense para desenvolver alternativas para a carne bovina. 

O que seria a carne wagyu plant-based? O wagyu é uma raça de boi, cuja carne é considerada a mais cara do mundo — conforme o G1, no Japão a carne custa US$ 1.000 o quilo, já no Brasil o valor fica em R$ 600, podendo ultrapassar R$ 1000 — logo, a marca resolveu criar uma versão vegetal desse produto, com os temperos japoneses tradicionais. 

“Waygu é 100% vegano, embora ainda seja feito no Japão usando métodos tradicionais de culinária japonesa. Esses métodos e ingredientes teriyaki de origem local criam um produto “carnudo”, suculento e único, que derrete na boca como o Wagyu”, afirmou a marca em sua página. 

Conforme a Green Queen, a empresa levantou 7,6 milhões de dólares canadenses (US$ 6 milhões), esse investimento foi liderado pela Protein Industries Canada, organização sem fins lucrativos que visa posicionar o Canadá como uma fonte global de proteínas vegetais e produtos à base de plantas. 

Esse aporte irá para um novo projeto da marca — em parceria com as empresas Merit Functional Foods, Wismettac Asian Foods e a Winecrush Technology — visando co-criar alternativas de carne vegana para a distribuição internacional. 

O objetivo é trabalhar em conjunto para fabricar e comercializar produtos de carne bovina vegano e também alternativas a carne de porco, todos sem soja. Alguns dos produtos serão vendidos pela Wamame Foods, sob o título Wagyu. 

Segundo a Vegconomist, a empresa pretende lançar essa nova linha de carnes em 2022. 

Bill Greuel, CEO da Protein Industries Canada, relatou em um comunicado: “A demanda do consumidor por alternativas de carne vegetal de alta qualidade, deliciosas e nutritivas está crescendo, e atendê-la de maneira sustentável exigirá inovação de novos ingredientes e produtos”. 

Ele acrescentou: “Wamame Foods, Merit Functional Foods, Wismettac Asian Foods e Winecrush Technology são a prova de que as empresas canadenses têm o conhecimento, as habilidades e a mentalidade inovadora para desenvolver esses novos ingredientes e produtos. A diversificação do mercado alternativo de carnes vegetais é um passo importante em direção ao objetivo do Canadá de se tornar um líder global no fornecimento de alimentos e ingredientes vegetais”. 

Mais sobre a carne wagyu plant-based 

Quer saber mais sobre a carne wagyu plant-based? 

As tiras de wagyu não contém glúten, além de trazer um impacto positivo para o meio ambiente em comparação com a carne de origem animal. 

É afirmado que as alternativas vegetais emitem 1/10 de gases de efeito estufa, usam 1/10 da terra e 99% menos água para a produção, tudo em comparação com a carne de origem animal, segundo dados do Good Food Institute desse ano. 

No momento, esse produto está disponível só para foodservices e restaurantes.

Sobre a Top Tier Foods Inc. 

A Top Tier Foods é uma empresa com foco em desenvolver alimentos à base de plantas, fundada no Canadá no ano de 2013. 

A marca afirmou ter três princípios: alimentos baseados em plantas para um futuro saudável e sustentável, boa comida e comer com confiança, sendo honestos e transparentes sobre os ingredientes e processos de produção para que o cliente possa se alimentar com confiança. 

Além do Wagyu, tem produtos como: sushi quinoa, quinoa pronta para cozinhar, e uma alternativa sustentável de ovas de peixe feito com algas marinhas. 

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também:

Fábrica Meatz lança carne louca vegetal 

Como criar seu pitch deck? Sugestões de um Investidor Anjo 

Above Food comprará fabricante de marcas veganas

*Imagem de capa: Divulgação Wamame Foods e Top Tier Foods / via Green Queen



por Amanda Stucchi em 17 de novembro