No momento ainda estamos vivendo a pandemia do Coronavírus, porém, quando essa situação terminar, você já imaginou viajar para o México e passar suas férias em um resort luxuoso? O nome do estabelecimento é Palmaïa The House of AïA, e o  melhor de tudo é que esse é o primeiro resort de luxo plant-based do país, que também não usa nenhum produto de origem animal em suas comodidades. Está localizado na cidade Playa del Carmen, para você descansar em um local que oferece ótimas opções para os veganos. 

Nele, existem quatro restaurantes especializados em receitas plant-based, como: LEK (de comida mexicana vegana), Mar de Olivo (restaurante mediterrâneo), Ume (asiático) e o Su Casa (com comida mais caseira, também serve hambúrgueres vegetais). Além disso, tem um food-truck chamado El Caminante, com comidas artesanais mexicanas. Porém, é necessário ressaltar que o resort também oferece alguns pratos com carnes e derivados para as pessoas que não são veganas, mesmo que incentive todos os hóspedes a experimentarem suas deliciosas receitas feitas à base de plantas. 

Hambúrguer do resort plant-based
Imagem: Divulgação Palmaïa The House of Aïa

Sobre os pratos de origem animal, como os bifes e frutos-do-mar, os acompanhamentos são veganos. Alex Ferri, fundador, disse à Forbes:  “Muitos não-veganos e vegetarianos chegam aqui achando que só vão pedir os pratos com carne e peixe, mas quando veem, estão comendo pelo menos 50% plant-based – e adorando! Para mim, é algo muito bonito. Se eu conseguir ensinar alguém a fazer uma refeição de origem vegetal a mais do que ela normalmente faria, já é uma vitória para todo mundo: para ela, que fica mais saudável, e para o planeta, que tem menos um animal sendo morto”. 

Além dessas opções, existe o Health Café e o Atlas Club, nesses locais, por exemplo, é possível comprar smoothies plant-based. O Atlas Club do resort é um lugar onde os hóspedes podem trabalhar remotamente, com internet de alta-velocidade, bem como a própria suíte. Segundo a página do Palmaïa: “Trabalhe remotamente de sua suíte com internet de fibra ótica em uma praia de areia branca. Libere essa energia acumulada indo de uma videochamada a um banho de água salgada, a uma ampla seleção de atividades de bem-estar e muito mais. Ah, e esqueça de lavar a roupa, cozinhar ou limpar”. Um sonho, não é mesmo?  

As atividades oferecidas são classificadas como de cura e rituais. O resort tem um programa chamado “Arquitetos da Vida”, com mais de 20 aulas semanais de crescimento pessoal que engloba diversas práticas, com foco na mente, movimento e cerimônias para celebrar o encontro com a natureza. Para citar algumas é possível meditar, fazer tai chi, ioga terapêutica, dança ancestral, um ritual de transmutação, entre outros. Também dá para solicitar outras práticas, como a de purificação da alma, astrologia transpessoal, cura pelo som, astrologia em casal e tarot. Os hóspedes também tem a disposição um SPA chamado de Atlantis. 

Atividades do resort plant-based
Imagem: Divulgação Palmaïa The House of Aïa

Sobre a criação do resort plant-based 

O resort plant-based foi inaugurado no início de 2020, pelo espanhol Alex Ferri, sua família também é do ramo da hospedagem, sendo proprietária da rede de hotéis de luxo Sandos Hotels & Resorts. Há oito anos, após assumir o controle do hotel Sandos Caracol, ele eliminou o uso de garrafas plásticas, tendo transformado esse empreendimento no primeiro a banir seu uso. 

Criou o Palmaïa The House of AïA para ir de encontro com sua filosofia de vida, pois tem uma dieta plant-based há mais de 13 anos e sempre teve interesse por soluções sustentáveis. O resort usa o mínimo possível de plástico e não possui garrafas desse material, a energia é neutra em carbono (se consome 50% menos do que um resort médio de tamanho convencional) e, até o final do ano, Alex pretende ter 100% da energia utilizada no hotel proveniente de fontes renováveis, já tendo assinado um contrato com uma empresa desse setor. 

Aproveite e leia também: 

Turismo vegano

5 lugares que já estão menos poluídos devido à pandemia

*Imagem de capa: Divulgação Palmaïa The House of Aïa



por Amanda Stucchi em 18 de junho