O mercado de cogumelo shiitake atingirá US$ 4,7 bilhões globalmente até o ano de 2030, crescendo a um CAGR de 8,3%, conforme o relatório da The Brainy Insights

Um dos motivos para a expansão do segmento é o aumento da população que segue um estilo de vida vegano, bem como o uso em medicamentos para tratamento de doenças cardiovasculares e controle de peso. Além disso, o ingrediente está sendo cada vez mais utilizado na indústria de processamento de alimentos e possui aplicação emergente no setor de cosméticos. 

O estudo também indicou que hoje em dia as pessoas têm um maior foco em melhorar seu estilo de vida e seus hábitos alimentares, pois estão se conscientizando dos problemas de saúde ocasionados por alimentos processados e não saudáveis. O comunicado afirmou: “Os cogumelos shiitake são o segundo cogumelo mais consumido popularmente no mundo, pois possuem alto valor nutricional e medicinal”.

Como fatores de desafios, existem as seguintes situações: quando esse cogumelo é ingerido em quantidade excessiva ou consumido cru pode haver certos perigos para o consumidor. Por exemplo: dores de estômago, inchaço da pele, problemas de sangue e até mais sensibilidade na pele quando se está exposto aos raios solares. Ademais, em algumas pessoas ocorre problemas respiratórios ou reações alérgicas na pele. 

Outro fator de desafio é o alto investimento para produzir o shiitake, bem como o compromisso de longo prazo para o empreendedor obter retornos. Isso pode deixar os fabricantes em dúvida sobre cultivar o ingrediente. 

Análise do mercado de cogumelos shiitake 

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

Atualmente, quem domina esse mercado é a Ásia-Pacífico! A região tem uma participação no mercado de aproximadamente 41,8%, sendo que em 2021 obteve 0,9 bilhões de receita nesse setor. 

O local conta com a presença de grandes países produtores como a China e o Japão, sendo que a China deseja atender tanto a demanda dos consumidores internos quanto dos externos. Além disso, há um maior crescimento na indústria de processamentos de alimentos, o que faz aumentar a demanda por esse tipo de cogumelo. 

Curiosidade: detalhes sobre o setor 

O relatório chegou as seguintes conclusões sobre os cogumelos mais comercializados. 

  • O produto fresco tem uma participação de mercado de aproximadamente 43%
  • O cogumelo convencional (não orgânico) representa 58% da receita de mercado. 
  • Os canais de vendas que se destacam são os hipermercados e supermercados com 32% da receita do setor. 

“Os cogumelos shiitake convencionais são muito mais baratos que os orgânicos, pois não exigem nenhum custo adicional para a produção e são facilmente cultivados no campo, o que está impulsionando o crescimento dos cogumelos shiitake convencionais”, apontou o The Brainy Insights. 

Principais players do setor 

O The Brainy Insights apontou as seguintes empresas como alguns dos principais players: 

  • Bonduelle SA
  • Modern Mushroom Farms INC.
  • Banken Champignons
  • Oyster Island Mushrooms LLC
  • Brewer’s Mushrooms
  • White Mountain Mushrooms, LLC.
  • Monterey Mushrooms, Inc.
  • Hirano Mushroom LLC
  • Rain Forest Mushrooms
  • Rocky Bottom Mushrooms LLC

Gostou de conhecer o mercado de cogumelo shiitake? Aproveite e leia também: 

5 mercados que utilizam o cogumelo como matéria-prima

Mercado de cogumelos atingirá US$ 86,5 bilhões até 2027

Stella McCartney lançará bolsa de luxo feita com couro de cogumelo

*Imagem de capa: Unsplash 

Por Amanda Stucchi em 5 de maio