A Vevolution é um marketplace de investimentos, com o objetivo de conectar empreendedores com investidores. Aqui é possível adicionar sua rodada de crowdfunding —feita em outra plataforma — para angariar fundos. 

Além dessa possibilidade, a empresa também tem um sistema de comunidade, lá os membros podem se conectar mutuamente, descobrir amigos, votar em postagens e fazer  perguntas. Em 2021, também adicionaram uma área de empregos veganos e plant-based, que foi utilizada pelas startups Heura, VFC e Libre Foods. 

No ano passado a plataforma auxiliou 21 startups à base de plantas a receber investimentos, além disso, 255 rodadas foram adicionadas ao Vevolution. Os membros investidores cresceram mais de 300%, bem como 136 empregos foram listados na plataforma com mais de 250 candidaturas. 

Marketplace de investimentos: algumas startups que encontraram apoio 

A empresa apontou que as seguintes startups garantiram investimentos, sendo que mais serão anunciadas nesse ano: 

BetterMilk 

Essa é uma marca canadense que desenvolve leite de vaca com células mamárias. Sua missão é criar um leite limpo, seguro e mais carinhoso com os animais. 

De Novo Dairy

A empresa, localizada na capital da África do Sul, produz proteína de leite sem o uso de animais. O processo é feito com fermentação, utilizando as leveduras. 

No Evil Foods 

A No Evil Foods, dos Estados Unidos, cria carnes à base de plantas. O portfólio é composto por: chouriço, salsicha italiana, churrasco de porco desfiado, e uma espécie de frango. 

Grounded Foods Co. 

A marca estadunidense produz queijos com couve-flor e semente de cânhamo, é tudo 100% vegetal sem modificações genéticas. Por conta de intolerâncias/alergias alimentares o produto é feito sem nozes, soja, glúten, sendo desenvolvido com fermentação natural e ingredientes sustentáveis. 

Nós já falamos da empresa aqui no Vegan Business, que no final do ano passado conseguiu levantar US$ 2,5 milhões com investimento liderado pela Veronica Fil (cofundadora e CEO da Grounded Foods), e apoio das empresas Stray Dog Capital, Big Idea Ventures, Route 66 Ventures, Nucleus Capital, Presight Capital e Kale United. 

Grazer

Esse é um aplicativo britânico que auxilia a conectar as pessoas veganas, seja para encontrar o par romântico ou achar amizades. 

Crafty Counter 

A marca Crafty Counter, sediada no Texas (EUA), busca criar alternativas à base de plantas. O portfólio é composto pela proteína WunderBites, uma espécie de nuggets, que está disponível em diversos sabores: tempero indiano, falafel mediterrâneo, tempero africano com harissa, e um kit com todos os sabores. 

A empresa também irá lançar os WunderEggs, sua mais recente inovação, no ano de 2022. Esse é um ovo cozido à base de plantas, que utiliza principalmente as amêndoas e a castanha de caju como proteína, não recorrendo à soja, glúten ou grãos. 

Blackbird Vegan Cheese 

Esse é um bar e restaurante completamente vegano, que funciona na região de Gotenburgo (uma das principais cidades da Suécia) desde 2015. A ideia é oferecer aos viajantes comida e bebida vegana. 

The Pack 

A empresa, localizada em Londres, oferece comida à base de plantas para cachorros. O objetivo é disponibilizar um alimento saudável, completo e com baixa pegada ambiental. 

Os produtos são refeições úmidas, utilizando os seguintes ingredientes: mamão, couve, feijão tremoço, proteína de ervilha, abóbora, brócolis, amoras, algas marinhas, sementes de cânhamo, óleo de algas, sementes de girassol, amora silvestre e levedura de cerveja. 

Gostou de conhecer esse marketplace de investimentos? Aproveite e leia também: 

Vegan Business capta R$ 1.7 milhão para democratizar investimentos em negócios plant-based

Jay-Z realizou investimentos em 5 marcas veganas

Como fazer um bom pitch para captar investimentos?

*Imagem de capa ilustrativa: Pexels



por Amanda Stucchi em 11 de janeiro