A gigante de sorvetes, Ben & Jerry’s, propriedade da Unilever, está liderando uma mudança inovadora em sua linha de produtos não lácteos. A empresa anunciou que reformulará toda a sua linha, trocando a base de amêndoas ou sementes de girassol por leite de aveia. Dois sabores de marca registrada serão lançados nos EUA, enquanto os outros 17 estarão disponíveis nas lojas no início de 2024.

Evolução em Sorvetes Veganos

A linha de 19 sorvetes veganos da Ben & Jerry’s nos EUA atualmente usa uma base de amêndoas e sementes de girassol. No entanto, a marca percebeu que as receitas existentes afetam o sabor geral dos sorvetes. Há dois anos, a empresa iniciou a busca por uma nova base, considerando 10 ingredientes diferentes, incluindo coco e reformulando a receita de amêndoa.

A equipe de sabores da Ben & Jerry’s finalmente escolheu o leite de aveia como a base ideal. Descobriram que essa opção oferece a textura mais suave e um sabor mais neutro, permitindo que os sabores principais, como chocolate, caramelo e baunilha, brilhem. A mudança também beneficia pessoas com alergias a nozes, embora o uso de aveia signifique que os sorvetes não serão isentos de glúten.

Lançamento e Expansão

Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores

As versões reformuladas dos sabores Chocolate Chip Cookie Dough e Chocolate Fudge Brownie estarão disponíveis nos EUA ainda este ano. Os outros 17 sabores serão lançados globalmente em 2024. Além disso, Ben & Jerry’s apresentará um novo sabor exclusivo para a linha de sorvetes sem laticínios, especialmente pensado para a base de aveia.

História dos Produtos Não Lácteos da Ben & Jerry’s

A Ben & Jerry’s lançou sua primeira gama de sorvetes à base de plantas em 2016, incluindo sabores como Chunky Monkey, Chocolate Fudge Brownie, Coffee Caramel Fudge e Peanut Butter & Cookies. Desde então, a linha cresceu para incluir opções como massa de biscoito com gotas de chocolate vegana, Cherry Garcia e Phish Food.

Em 2019, a empresa introduziu pedaços de massa de biscoito comestíveis, incluindo uma variante vegana. Um ano depois, lançou uma linha de sorvetes à base de manteiga de girassol nos EUA, com sabores como Leite e Biscoitos, Bananas Foster e Biscoito de Chocolate com Menta.

Inovação em Resposta à Demanda do Consumidor

Embora essa mudança na receita possa não agradar a todos os fãs obstinados da linha atual de sorvetes sem laticínios, a Ben & Jerry’s enfatiza que o leite de aveia foi escolhido com base nos testes de sabor dos consumidores. Além disso, os produtos sem laticínios representam apenas 7% dos negócios embalados da empresa, minimizando o impacto nas vendas.

Embora os produtos à base de plantas representem apenas 2,6% do mercado de sorvetes dos EUA, a demanda por opções veganas está crescendo. Mais da metade dos consumidores em uma pesquisa global expressaram disposição para comprar mais sorvetes veganos se houvesse mais opções disponíveis.

Explorando Novas Tecnologias

A mudança da receita da Ben & Jerry’s coincide com os esforços da Unilever, a empresa-mãe, em explorar tecnologias de fermentação de precisão. A Perfect Day, uma empresa da Califórnia, lidera essa tendência com sua inovação em sorvetes à base de soro de leite derivado de fermentação de precisão, que é usado em várias marcas de sorvetes.

Embora o mercado de sorvetes sem laticínios seja altamente competitivo, a busca por produtos de melhor qualidade e a evolução da tecnologia continuam a impulsionar o setor e atender à crescente demanda por opções veganas de alta qualidade.

Imagem de capa: Ben & Jerry’s para Green Queen

Leia também:

Ben & Jerry’s agora é a maior produtora de sorvetes sem lácteos premium

Lançamentos globais de sorvetes veganos dobraram nos últimos 5 anos

Por Nadia Gonçalves em 18 de outubro