Aldi, atualmente o quarto maior supermercado do Reino Unido, opera mais de 1.000 lojas e emprega mais de 45.000 funcionários. Ontem, a rede revelou que irá criar 5.500 empregos enquanto “continua crescendo rapidamente ao longo de 2024”.

Além disso, nesta semana, o Aldi decidiu reduzir os preços de frutas e vegetais frescos para incentivar uma alimentação saudável no Reino Unido. Os preços de frutas vermelhas, uvas, tomates, maçãs e saladas prontas para consumo serão reduzidos em sua maior queda de preços até agora este ano, afetando cerca de um quarto de sua gama, com preços em mais de 50 itens caindo em média 7%.

No mês passado, a rede ampliou sua linha Plant Menu com fatias de salmão defumado plant-based, que se tornaram extremamente populares e estão se esgotando em todo o país, além de sua maior variedade de queijos veganos, incluindo três variedades de alternativas de cheddar, uma seleção de alternativas de queijos continentais, incluindo Mozzarella, Camembert, Greek Style Salad Cheese e queijo duro estilo parmesão, todos com preços acessíveis a £1.99.

A organização de consumidores Which? recentemente nomeou a Aldi como o supermercado mais barato do mês de janeiro: uma cesta com 72 itens no supermercado mais caro custou 32% a mais do que na Aldi. Julie Ashfield, diretora de compras da Aldi, afirmou: “Este ano, queremos reduzir mais preços do que nunca para dar aos nossos clientes acesso aos produtos mais saudáveis.

“Na Aldi, estamos comprometidos em tornar a comida saudável e variada acessível a todos – muitos clientes vêm até nós por causa de nossos preços baixos, mas ficam por causa de nossa qualidade premiada”, continuou Ashfield.

Leia também:

Simple Planet capta US$ 6 milhões para ingredientes cultivados

Sunrize, a nova DNVB de suplementos plant-based da Vegan Business

Reino Unido investe £ 12mi em centro para proteínas alternativas

Por Vitor Di Renzo em 23 de fevereiro
Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores