Hoje é o Dia Nacional da Micro e Pequena Empresa (MPE), comemorado em 5 de outubro, e trouxemos alguns negócios que cresceram durante a pandemia. 

Mas, antes disso, você sabe qual a importância das pequenas empresas para o país? Segundo uma informação da Agência Brasil , as micro e pequenas empresas (MPE), em junho de 2021, trouxeram um saldo positivo de mais de 216 mil empregos, esse montante equivale a 70% do total de empregos gerados no território nacional. 

Conforme um levantamento do Sebrae, no primeiro semestre de 2021 houve um crescimento no número de micro e pequenas empresas e dos microempreendedores individuais (MEI) com relação ao mesmo período de 2020. As microempresas tiveram um aumento de 46%. 

Portanto, falaremos sobre 5 tipos de negócios que cresceram durante a pandemia, para você se inspirar caso tenha o desejo de empreender e abrir sua micro e pequena empresa. 

1# Produtos de skincare 

Você já pensou em criar um negócio de produtos de beleza para a pele? 

Esse foi um tipo de negócio que cresceu durante a pandemia, segundo informações do Estadão. Conforme o relatório Skin Care in Brazil da Euromonitor International os motivos são: 

  • As pessoas estão (em sua maioria) passando mais tempo em casa
  • Há maior consciência a respeito da importância do bem-estar
  • Rotinas de autocuidado são uma maneira de se sentir melhor durante a crise do coronavírus

O Painel de Dados de Mercado da Associação brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPCEC) também trouxe o dado de que esse segmento teve um crescimento de 21,9% em 2020. 

Portanto, se sua ideia é abrir um negócio de produtos de beleza veganos esses são fatores a se considerar. 

2# Desenvolvimento de games para celular 

Se você tem vontade de abrir uma empresa de jogos se prepare: essa área bombou durante a pandemia. 

Esse mercado tem uma previsão de lucro de até R$ 1,7 trilhões (US$ 200 bilhões) até o ano de 2023, conforme um estudo da Newzoo relatado no IG

Por conta do isolamento social e do maior tempo em casa, as pessoas passaram a jogar mais.  

3# Cursos on-line

Qual a sua habilidade? 

Independente de qual seja, você pode ensiná-la as outras pessoas através de plataformas on-line. 

Conforme o G1, a procura pelos cursos on-line aumentou durante a pandemia, é dito também que a plataforma de venda de cursos Hotmart teve um aumento no volume de novas compras em 161%,  entre maio de 2019 e o mesmo mês do ano passado. 

4# Delivery de comida

Se você consegue preparar refeições gostosas, o delivery de comida é uma demanda do mercado. 

Segundo uma pequisa da Mobilis, publicada no Istoé Dinheiro, os aplicativos Rappi, iFood e Uber Eats apresentaram um crescimento de 103% no primeiro semestre de 2020. 

Ainda, a Goomer (startup de soluções digitais para restaurantes) relatou para a CNN um aumento de 29% nos pedidos do delivery no estado de São Paulo com o endurecimento da Covid-19 em março desse ano.  

5# Clubes de assinatura 

Eu aposto que você adora receber as encomendas que comprou pelo correio. 

Já pensou em alegrar as pessoas dessa mesma maneira criando um Clube de Assinatura? 

Esse é um serviço  em que os assinantes recebem todos os meses uma seleção de produtos, existem diversos tipos deles: livros, vinhos, cosméticos… 

Segundo uma pesquisa do e-commerce Betalabs, informada pela CNN, esse setor apresentou um crescimento de 60% em 2020, comparado ao ano anterior, com uma média de mais de 600 novos assinantes diários. 

Ficou com vontade de iniciar seu próprio negócio? Conheça mais ideias: 

Ideias de Negócios: As 10 Melhores Para Empreender em 2021 

Negócios veganos on-line

13 ideias de negócios veganos

*Imagem de capa: Pexels



por Amanda Stucchi em 5 de outubro