Com que frequência você compra itens pela internet? E quando se trata de produtos veganos, esse número sobe ou diminui? Para facilitar a vida das pessoas que escolheram viver sem crueldade animal, surgiram alguns e-commerces de produtos veganos. E para quem está buscando uma oportunidade para empreender e ter sucesso no universo das plantas, essa também é uma opção a se pensar.

O mercado vegano está surpreendendo até os mais descrentes. Os segmentos de alimentação, vestuário, sustentabilidade, maquiagens e cosméticos, pet. Enfim, são diversas opções para que uma pessoa consiga aderir ao veganismo de maneira completa e sem dificuldades.

Um dos problemas que muitos veganos encontraram está em achar esses produtos com facilidade, principalmente em cidades pequenas. É claro que com o veganismo se expandindo, a tendência é que todas as regiões tenham acesso a esses produtos. Porém ainda não é toda a realidade.

Por isso, os e-commerces são ótimas opções para usuários veganos em busca de alimentos veganos, roupas e cosméticos. Por outro lado, eles o comércio de produtos online é uma grande oportunidade para quem está pensando em empreender no universo a base de plantas.

Por que investir?

Se minha breve introdução não te convenceu ainda as possibilidades dos e-commerces de produtos veganos, trouxe alguns dados importante sobre esse mercado.

Somente aqui no Brasil aproximadamente 30 milhões de brasileiros se declaram vegetarianos. Segundo alguns cálculos, a estimativa é que o número de veganos brasileiros chegue até 5 milhões. Ou seja, muita gente para explorar as possibilidades.

Com o tempo, começaram a surgir opções acessíveis e variadas para esse público. Assim, hoje não é mais impossível ser vegano, tão pouco pode ser considerado apenas coisas de ricos. Já é possível afirmar que o veganismo é barato. Pensar em produtos mais acessíveis abre ainda mais as oportunidades dentro do universo sem crueldade animal.

É importante lembrar que o mercado vegano está apenas começando. Além de pessoas que já se consideram veganas, outras que estão passando pela transição, o mercado promete agradar até os não veganos. Isso porque, segundo uma pesquisa realizada pela Datafolha em 2017, cerca de 63% dos brasileiros já quer reduzir o consumo de carne.

Pensando em quais áreas são possíveis investir, separei uma lista com (apenas) algumas ideias:

Ufa, essas são apenas algumas das opção. Aqui no Vegan Business você encontra diversos temas e dicas para empreendedor no veganismo com sucesso!

4 e-commerces de produtos vegano

Para conhecer melhor alguns dos concorrentes (e comprar alguns produtos também), separei alguns aqui:

Veganizadores

A Veganizadores é uma loja online de produtos veganos e naturais. Feita “de veganos para veganos, vegetarianos e simpatizantes”. Você se perde no site com tanta opção! São mais de 600 produtos, segundo o site da mara.

Entre as categorias de produto você encontra alimentos a base de plantas, cosméticos, maquiagens, suplementos, decoração,  utensílios, promoções, kits, limpezas, moda, aromaterapia, coloidais, infantil, livros e pet.

Loja Vista-se

A Loja Vista-se pode já ser conhecida para quem acompanha o universo vegano. O responsável por um dos e-commerces de produtos veganos mais conhecido é o Fabio Chaves, criador do blog Vista-se.

A loja oferece mais de 700 produtos veganos de todos os tipos e categorias possíveis. Ainda é possível ganhar R$15 de desconto na primeira compra! Vamos aproveitar?

Loja Vegetariana

Mais um dos e-commerces de produtos veganos que você precisa conhecer é a Loja Vegetariana. Seguindo a mesma ideia das lojas onlines anteriores, ela oferece diversos produtos e as mais variadas categorias. Incluindo até dvds e livros.

Segundo a marca, ela tem como objetivo, “através da internet e dos seus preços baixos, facilitar o acesso de maior parte da população aos produtos vegetarianos e vegano”.

Casa Veg

Minha última escolha de loja online é a Casa Veg. Ela também oferece mais de 500 produtos veganos de diversas categorias.

Segundo a marca, “o intuito da Casa Veg não é apenas vender produtos veganos e sim disseminar a ideia, para que mais pessoas descubram que é possível aliar a alimentação sem crueldade animal com uma vida saudável.”

Quatro opções de e-commerces de produtos veganos não são suficientes para você conhecer todas as possibilidades desse mercado, mas já abre a mente, não é mesmo? Um pouco mais de pesquisa e marketing pode te ajudar a transformar esse mercado vegano em uma grande chance de empreendedorismo e sucesso.

Leia também Veganos pagam mais por refeições em restaurantes (e vão mais vezes) e Mercado de queijos veganos e a relutância dos amantes desse alimento



por Lari Chinaglia em 16 de abril