A Veganz Group AG assumiu aproximadamente 1.000 metros quadrados de novo espaço em sua unidade em Ludwigsfelde, Alemanha, para expandir e aumentar a capacidade de produção de suas novas alternativas de leite produzidas com impressão 2D. O espaço será desenvolvido nas próximas semanas e adaptado para a produção dos produtos Mililk®.

Essa expansão será acompanhada pela otimização e automação dos processos de produção, permitindo uma capacidade diária de produção de 50.000 litros de alternativas de leite à base de aveia e amêndoa para atender à crescente demanda.

“Estou muito feliz por termos encontrado uma solução quase perfeita em nossa unidade em Ludwigsfelde para expandir a produção de nossas alternativas de leite Mililk®, que começaram em fevereiro de 2024 com o inovador processo de impressão 2D, e assim adaptar nossas capacidades às condições do mercado por um fator de 5.

“Meus sinceros agradecimentos vão para a equipe do MLP Group, que possibilitou esse passo para nós com sua habitual flexibilidade e alto nível de comprometimento”, diz Jan Bredack, fundador e CEO da Veganz Group AG.

Financiamento do Estado de Brandemburgo

O Banco de Investimento do Estado de Brandemburgo recentemente concedeu subsídios de investimento à Veganz, com os quais a empresa está fazendo novos investimentos em instalações de produção e expandindo as capacidades de produção na unidade de Ludwigsfelde. Além do Mililk®, a linha de “carne de ervilha” da Veganz também é produzida em Ludwigsfelde.

A Veganz anunciou o lançamento de sua inovadora alternativa de leite em meados de 2023. A alternativa de leite de aveia será inicialmente impressa como uma folha do tamanho A4 usando um processo de impressão 2D. Dez dessas folhas A4 produzem 10 litros de leite de aveia. Segundo a empresa, o processo de impressão sustentável economiza cerca de 88% em materiais de embalagem/volume de armazenamento e pelo menos 80% em peso, o que impacta positivamente a pegada de carbono.

Jan Bredack comentou sobre o lançamento no mercado: “Em menos de 12 meses, trouxemos com paixão um produto inovador para a maturidade de mercado com o qual vamos, mais uma vez, mudar a indústria alimentícia para melhor. Nosso foco: amor pelo clima, porque é isso que o produto maximiza.”

Confira a matéria publicada na vegconomist.

Leia também:

Reino Unido relata queda na produção de carne

The VERY Food Co. ultrapassa €1 milhão em captações

Umami Bioworks busca expandir frutos do mar cultivados na Índia

Por Vitor Di Renzo em 10 de julho
Faça parte da comunidade da Vegan Business no WhatsApp: Notícias | Investidores