A marca NadaMoo! de sorvete vegano, localizada nos Estados Unidos, recentemente levantou quase US$ 10 milhões na Série B. Quem co-liderou o investimento foi o District Ventures Capital, InvestEco Capital e Killam Investments. 

Com o valor levantado, a empresa irá tornar seus produtos mais acessíveis e auxiliar na construção de um mundo mais sustentável. Também continuará construindo a marca e expandindo a distribuição, além de investir no marketing e desenvolvimento dos produtos. 

Daniel Nicholson, CEO do NadaMoo!, falou em uma comunicação:

“Esta rodada de investimento nos ajudará a continuar a impulsionar a marca NadaMoo! para o benefício de nossos clientes e do planeta. É encorajador ver family offices com base no Texas, como Killam Investments, diversificando-se em indústrias sustentáveis, como alimentos à base de plantas, para garantir nossa aceleração em direção a um planeta mais sustentável”.

Ele também acrescentou: “Além de ser a coisa certa a se fazer, esse aumento destaca o fato de que investir em negócios que coloquem as pessoas, o planeta e o propósito antes do lucro tenham potencial para um forte retorno. As decisões de compra dos consumidores estão cada vez mais criteriosas em nome do planeta e os mercados estão acompanhando”. 

O presidente da Killam Investments, Cliffe Killam, também deu uma declaração: “Nós amamos o NadaMoo! e sua visão para alimentos sustentáveis ​​à base de plantas, vemos isso como uma forma de entrar e apoiar o movimento à base de plantas […]”. 

Anteriormente a esse investimento, a marca já havia levantado US$ 4 milhões em uma rodada da Série A, feita em 2017 e liderada pelo InvestEco Capital. 

Sobre a marca de sorvete vegano 

A marca de sorvete vegano começou como um negócio familiar e permanece assim, foi fundada em 2005 na cidade de Austin, localizada no Texas (EUA). 

Utilizam o leite de coco para criar os sorvetes, atualmente já existem mais de 20 sabores, como: chocolate, torta de abóbora, hortelã orgânica, pistache, cheesecake de morango, bolo de aniversário, torta de pêssego, entre outros.

Sobre o leite de coco, a empresa falou: “O coco é conhecido por ser deliciosamente cremoso, além de ser mais ecologicamente correto do que a soja e a amêndoa, pois não requer quase nenhum recurso extra para ser produzido — apenas puro sol e chuva!”. 

A empresa possui diversas certificações:

  • USDA Organic — assegura que todos os produtos são orgânicos. 
  • Non GMO Project Verified — certifica que os ingredientes utilizados pela empresa e seus parceiros não são geneticamente modificados. 
  • Fair Trade Certified — assegura que exista remuneração justa e um tratamento ético para todos na cadeia de suprimentos da empresa. 
  • Certified Gluten Free — aponta que os produtos da marca não tem glúten. 
  • AVA Vegan — Esse selo da Associação Vegetariana Americana certifica que os produtos da marca não tenham produtos e bioprodutos de animais, além de não serem testados nesses seres vivos. 
  • B-Corp — A certificação de Empresa B mostra que o NadaMoo! considera o impacto de suas decisões em seus funcionários, clientes, fornecedores, comunidade e também no meio-ambiente. 

No momento, os clientes podem comprar os sorvetes via e-commerce proprietário (com envio apenas para os Estados Unidos) e também ir para a loja na cidade de Austin. 

Gostou dessa notícia? Aproveite e leia também: 

10 motivos para se tornar vegano hoje

Conheça 16 snacks veganos para experimentar

Yamo chega ao Rio de Janeiro com sorvete à base de inhame

*Imagem de capa: Reprodução NadaMoo! / via Facebook @NadaMooIceCream



por Amanda Stucchi em 8 de dezembro