Você provavelmente já ouviu falar em clube de assinatura, certo? Enquanto os youtubers ganham diversos mimos em casa, nós, mereces telespectadores dessa galera, ficamos na vontade de receber em casa também alguns kits de produtos. E esse foi apenas um dos motivos para fazer com que esse serviço se tornasse tendência. Não demorou muito para que ele alcançasse o nosso universo. Pensando nisso, separei alguns exemplos de clube de assinatura vegano para você conhecer, e quem sabe, te inspira a empreender algo?

Vale empreender em clube de assinatura vegano?

Hoje o Brasil conta com mais de 800 empresas que trabalham com clube de assinatura. Isso representa um crescimento de 167% desde 2014, quando tínhamos cerca de 300 apenas. Ainda assim, esse valor é bem mais baixo que os Estados Unidos. Enquanto lá esse mercado chega a cerca de 10 bilhões de dólares (ou 40 bilhões de reais), o Brasil movimenta apenas 1 bilhão de reais.

“Além de praticidade, os clubes de assinaturas oferecem aos clientes a experiência de receber um serviço de curadoria em casa, que os poupa de pesquisas sobre os itens que os interessam”, afirma Breno Paquelet, professor de MBA em gestão empreendedora da Universidade Federal Fluminense.

5 clubes de assinatura

Conheça 4 clubes de assinatura veganos que podem se tornar queridinhos na sua vida, ou podem se tornar futuros concorrentes:

VeganaBox – alimentos veganos

A VeganaBox provavelmente é o clube de assinatura vegano mais conhecido dentre esses. Ele faz parte da empresa OneMarket, um mercado online de alimentação inclusiva. Esse é um clube especial de comidinhas a base de plantas, que nós amamos demais!

Você pode escolher entre duas caixas: Mini Vegana Box ou Empório Box.

Na Mini Vegana Box você vai receber de quatro a seis produtos. Segundo a marca, ela é ideal para quem quer conhecer o clube e manter uma rotina vegana com muito sabor e praticidade. O plano mensal dessa caixinha fica em R$49,90, sendo a opção mais cara, e por R$44,90 por mês no plano anual. Você pode escolher também as opções trimestral e semestral.

Já a Empório Box é considerada ideal para quem já é vegano. Ela traz entre nove e onze produtos, incluindo snacks, chocolates, pães, farinhas especiais, antepastos, e muitos outros produtos. O plano mensal da Empório Box sai R$79,90, e o plano anual R$63,92 por mês.

Libélula Cosméticos Veganos

A Libélula Cosméticos Veganos é ideal para quem quer receber em casa produtos de higiene e cosméticos naturais. Segundo a marca, nos kits você encontra “tudo que usamos em nosso corpo no dia-a-dia mas totalmente veganos e sem substâncias que nos sejam maléficas.”

Dentre os produtos, você pode encontrar desde shampoos, condicionadores, hidratantes, sabonetes, até produtos de maquiagens, esmaltes, absorventes de pano. Ou seja, realmente de tudo um pouco!

A Libelulinha, como é chamado o clube de assinatura vegano da marca, é composto por até 5 produtos, e saí por R$132 por mês.

BudaVeg

O BudaVeg é um clube de assinatura vegano bastante especial. Quem é responsável pela curadoria dos produtos é apenas uma das veganas brasileiras mais influentes, a Alana Rox.

A caixinha funciona assim: a Alana faz uma curadoria dos produtos, são separados os melhores produtos para cem pessoas, e enfim, chega na sua casa!

No plano anual, o box sai por R$89,90 por mês, já o box única custa R$109,90. Ambas as caixas possuem entre 9 e 12 produtos veganos. Entre eles alimentos, cosméticos, vitaminas e suplementos.

VegPet

Chegou a hora de falar dos pets, afinal “ninguém solta a patinha de ninguém.” A VegPet desenvolveu um clube de assinatura vegano exclusivo para nossos cães e gatos.

Diferente dos clubes citados anteriormente, no VegPet você sabe o produto que vai chegar a sua casa: a ração BichoGreen. Você escolhe a frequência com que quer receber a ração na sua casa, e depois é só esperar.

“Nosso objetivo, além de proporcionar uma alimentação saudável, balanceada e 100% vegetal para cães e gatos é mostrar aos nossos clientes o impacto positivo que essa escolha consciente traz na vida de milhares de outros animais” diz Victor Ramos, sócio proprietário da empresa.

“Não adianta escolhermos um estilo de vida mais saudável para nós, se continuarmos alimentados nossos bichinhos com outros animaizinhos, simplesmente não faz sentido” diz Thais, também sócio proprietária e diretora financeira da Vegpet.

Agora é só você escolher os seus favoritos, e esperar chegar em casa! Quem sabe você não descobre uma grande paixão por clube de assinatura vegano? Ou uma grande chance de mercado?

Leia também Flexitarianismo – o que essa tendência significa para o mercado e 4 e-commerces de produtos veganos para entender esse mercado



por Lari Chinaglia em 22 de abril