Você já pensou em ter um negócio voltado para o segmento vegano? Já possui um estabelecimento e está vendo a necessidade de expandir junto com o crescimento do veganismo? Pensando em ajudar você e outros comercializantes, surgiu a Opção Vegana, uma consultoria feita para te ajudar a adaptar seu negócio ao veganismo.

“Seu negócio está preparado para atender uma demanda em constante crescimento?”. Esse é o questionamento que a Sociedade Vegetariana Brasileira quer colocar na mente dos restaurantes brasileiros. Ela disponibiliza o programa Opção Vegana, uma consultoria gratuita para estabelecimentos que querem aderir ao veganismo.

A Opção Vegana é uma iniciativa para melhorar o atendimento e as opções veganas nos estabelecimentos para a população. Isso porque, a demanda por produtos veganos está em constante crescimento, e já sabemos disso. O mercado vegano é apenas começando, não apenas no Brasil como no mundo todo. É muita novidade batendo na nossa porta de uma vez só. Ainda assim, muitas empresas não se adaptaram.

Diversos restaurantes ainda deixam os consumidores de comidas a base de plantas na mão, e perdem oportunidades e faturamento com essa atitude. Com isso, a Sociedade Vegetariana Brasileira pensou em ajudar empresas juntos com a parceria da Humane Society International (HSI),  no desenvolvimento dos pratos e estreitamento de relacionamento com o público veg-friendly.

Com o programa Opção Vegana você consegue adaptar seu negócio ao veganismo através da consultoria que consiste em:

  • Esclarecimento a respeito do público alvo;
  • Desenvolvimento de cardápio;
  • Divulgação direcionada ao seu público alvo

Além disso, a Opção Vegana não é a única forma de você começar a adaptar seu negócio ao veganismo. Na internet, e aqui no Vegan Business, você encontra diversos conteúdos que mostram como a alimentação vegana (e o veganismo como um todo) está gerando bons resultados para as empresas.

Desde pequenos empreendedores a grandes multinacionais, todos estão se rendendo ao crescimento desse estilo de vida.

Vale mesmo a pena adaptar seu negócio ao veganismo?

Sim, adaptar seu negócio ao veganismo é fundamental para gerar maiores sucessos para ele. Com o crescimento e a maior visibilidade da alimentação a base de plantas, mais e mais pessoas vão se mudar. E seu restaurante não pode ficar de fora dessa mudança.

Separei alguns dos motivos para você pensar nessa mudança:

Inclusão já é um grande motivo

Se você ainda tem dúvidas se vale a pena investir um tempo e uma consultoria gratuita nessa mudança de cardápio, a inclusão pode te motivar.

Não apenas veganos, mas intolerantes à lactose, pessoas que estão passando pela transição do veganismo, pessoas curiosas, e ainda atende a todos os consumidores de carne também.

Só para você ter uma ideia, 70% dos brasileiros são intolerantes à lactose em algum nível. Pensa o sucesso que poderá ser o seu negócio se você oferecer opções veganas para esse público?

Mercado em crescimento acelerado

Vou te mostrar isso com apenas alguns dos dados que mostram o crescimento acelerado do veganismo. Sabia que em relação ao ano de 2012, o veganismo já cresceu mais de 75%? Isso mesmo.

Hoje temos 14% dos brasileiros se declaram vegetarianos. Isso representa cerca de 30 milhões de pessoas só aqui no Brasil que deixaram de comer carnes animais. Além disso, cerca de 7 milhões de brasileiros seguindo o estilo de vida vegano.

Outro dado bastante importante diz que mais da metade da população brasileira comeria mais produtos veganos se as embalagens sinalizassem essa informação e se os produtos tivessem preços semelhantes às versões tradicionais.

Isso sem contar que 63% da população já diz pensar em reduzir o consumo de carne que segue atualmente.

Os ingredientes veganos são mais em conta

Embora muita gente ainda tenha dúvidas, ser vegano é mais barato. Os insumos veganos costumam ser bem mais baratos que outros alimentos. Os preços dos quilos de carnes e dos litros de leite, por exemplo, são bem mais caros do que frutas e verduras nas feiras. Claro que isso é apenas uma exemplo.

Seu restaurante vai se adaptar a necessidade do seu público e dos seus cardápios, mas o valor dos ingredientes veganos não será uma preocupação para você.

Se você está pensando em dar os primeiros passos no veganismo, você também pode seguir algumas dicas simples para começar. Segundo a Sociedade Vegetariana Brasileira, algumas formas de começar a adaptar seu negócio ao veganismo são:

  • usar utensílios diferentes para pratos veganos;
  • não diferenciar seus pratos (um risoto vegano pode ser chamado apenas de risoto de cogumelo);
  • fazer sua equipe provar os pratos veganos e descobrir se agrada a todos;
  • conversar com seu time e explicar a importância e os cuidados com pratos veganos.

Agora que você já conhece algumas dicas de como começar a adaptar seu negócio ao veganismo chegou a hora de colocar tudo em prática.

Leia também Empreender em doces veganos – por onde começar? e Mercado de carnes veganas alcança US $ 3 bilhões



por Lari Chinaglia em 2 de maio